Testando o novo brinquedo

Publicado por: thalita em 23/07/2019
Categoria: Masturbação
Leituras: 108 / Votos: 0 / Comentários: 0
   Vou começar falando um pouco sobre mim...
Me chamo Thalita, tenho 26 anos sou branca, cabelos castanhos ondulado e bem cumprido na altura do quadril, olhos castanho claro, altura, 1,65 metros, nem magra nem gorda tudo bem distribuídos.
Sempre gostei de me masturbar(aconselho quem nunca tentou, experimente!), Eu gosto do contato, com meu corpo, ninguém conhece melhor do eu, sei onde e como fazer para me satisfazer, essa sempre foi minha brincadeira preferida desde muito cedo, porém, até então nunca tinha testado algo além dos meus dedos.
Adoro ir em sexy shops e comprar algo que possa apimentar minha relação, como por exemplo as famosas bolinhas ou gel que esquenta e resfria, mas hoje foi diferente, queria algo que nunca tinha usado, mas sentia curiosidade, Comprei então um pênis de borracha.
Chego em casa., após o banho solto meus cabelos coloco minha camisola vermelha e fico sem calcinha, e vou em direção a sala, segurando meu brinquedo.
Me deito no sofá com as pernas abertas, começo me acariciado, escorregando os dedos em minha vagina entre grandes e pequenos lábios com uma pressão maior no grelo entrava e saia no buraco que estava pegajoso de tão molhada que eu estava, com a outra mão eu percorria meu corpo apertando meus seios, descendo segurando com firmeza meu sexo, gosto também de experimentar meu gosto, descia com a mão encharcava os dedos e depois lambia, sentindo meu cheiro e meu sabor.
E logo estava eu, com dois dedos dentro de mim, com a mão esquerda eu usava o indicador e o dedo médio fazendo pressão e movimentos circulares no meu grelo com mesma frequência entrava e saia com os outros dedos., entre eles escorria meu melado, e quando ja estava louca em êxtase, peguei o brinquedo e fui passando ele aos poucos na vagina, deixando ele todo molhado fui brincando e trocando de mão as vezes parava com ele, e só ficava rebolando, fui colocando aos poucos, foi difícil no começo mas depois que a borracha molhou por completo entrava e saia facilmente, e eu socava forte, rápido, rebolava e diminuía a frequência, quando estava perto de gozar eu tirava dentro e alisava na buceta, esfregando no grelo ou batendo com ele, até que não aguentei senti uma explosão dentro de mim, não conseguia segurar, tirei o brinquedo e voltei estocar com dedo mais forte, mais rápido, a outra mão alisando o grelo, cada vez mais rápido, até que gozo, ficando com as pernas trêmulas uma sensação de leveza com um leve esguicho no sofá.
E esse novo brinquedo será usado mais vezes em minhas brincadeiras.
Thalita manfrediny


Comentários

Seja o primeiro a comentar nesse conto