Depilando minha irmã.

Publicado por: aranha em 22/01/2018
Categoria: Incesto Lesbico
Leituras: 20327 / Votos: 1 / Comentários: 0
Meu nome é Paula, tenho 26 anos, e quero compartilha com vocês essa que foi uma experiência inesquecível pra mim e pra minha irmã Paloma.
Há 2 anos, Paloma chegou em casa toda feliz, contando que estava grávida!
Nossa, que alegria, eu iria titia pela primeira vez!
Paloma é mais nova do que eu, e na época tinha apenas 18 aninhos.
Ficamos muito felizes, uma vez que morávamos sozinhas em Belo Horizonte, e nossos pais moravam no interior da Bahia.
Somos baianas, e com um sangue tão quente damos um show de sensualidade e sedução.
Os meses foram passando e a barriga de minha irmã ia crescendo...
Seus seios iam inchando, seu corpinho ia ficando tão lindo, mais tão lindo, que comecei a sentir algo estranho dentro de mim... Comecei a desejar a minha irmã, desejar aquele corpo... Por varias noites eu sonhei com nós duas nos deliciando, fazendo amor bem gostoso...
Eu nunca tinha experimentado algum tipo de relação com uma mulher...
Nunca tive preconceito ou coisa do tipo, porem nunca tinha passado em minha mente um pensamento desses, ainda mais com minha irmã, que estava já indo do sétimo pro oitavo mês de gestação.
Porém, meu desejo aumentava a cada dia que se passava...
Num manhã maravilhosa, Paloma foi tomar um banho e me pediu ajuda...
Ela queria se depilar, porem não conseguia mais enxergar sua bucetinha já que estava nas ultimas semanas de gravidez...
Eu logo aceitei e disse que ia aproveitar para tomar banho junto com ela, já que eu estava atrasada para ir a uma entrevista de emprego...
Então, entramos no banheiro, e quando vi minha irmã completamente nua, linda, com aquela barriguinha tão sensual fique meio sem jeito, e logo peguei o aparelho de depilar e me agachei, passei sabonete intimo na bucetinha de minha irmã e comecei a tirar aqueles pelinhos...
Quando eu estava acabando de depilar aquela bucetinha linda, passei meus dedos pra sentir se estava bem lisinha, quando percebi que minha irmã estava de olhos fechados como se estivesse sentindo um pouquinho prazer...
Quando percebi que ela estava gostando de ser tocada por mim, não pensei duas vezes e caí de língua naquela xoxota inchadinha!
Era uma delicia!
Eu nunca havia sentido o gosto de uma buceta em meus lábios, e eu estava indo a loucura e levando a minha irmã ao delírio!
Vendo que ela estava ficando sem forças nas penas,
Deitei-me no chão do banheiro, de rosto pra cima, e pedi pra que ela ajoelhasse em meu rosto...
Ela prontamente ajoelhou...
Eu vi minha irmã gemendo, chorando, se contorcendo de muito prazer enquanto eu chupava a sua bucetinha e sugava aquele clitóris como se fosse uma chupetinha...
Ah...
Depois de ter feito a minha irmãzinha gozar, ela pediu pra experimentar o sabor da minha bucetinha que naquela altura já estava toda encharcada...
Minha irmã também nunca tinha experimentado transar com uma mulher antes...
Mas parecia que já era acostumada...
Ela me pediu pra ficar de quatro,
E ficando também de quatro com muito cuidado por causa do bebe,
Arreganhou a minha bundinha e começou a chupar o meu cuzinho...
Que delicia!
Eu nunca tinha sentido uma língua em meu cuzinho antes...
E enquanto ela passava a língua em meu cuzinho eu ia relaxando e abrindo meu cuzinho pra ela...
Até que ela começou a penetrar a própria língua dento de meu cuzinho...
Fui ao delírio!
Ela começou a colocar os dedos em minha bucetinha e a fuder meu cuzinho com a língua...
Logo então não suportei tamanha sensação e gozei, eu gritava e gemia ao mesmo tempo...
Logo então, depois de tamanho prazer, nos levantamos, tomamos nosso banho juntas, e ela foi para a consulta do pré-natal e eu fiquei em casa, pois já tinha perdido mesmo a entrevista de emprego.


Comentários

Seja o primeiro a comentar nesse conto